domingo, março 16, 2008

Vivendo, aprendendo e se...

Dando bem, dando mal, a gente sempre precisa aprender para conseguir o que queremos. Como quando estamos na auto escola e "pagamos o micasso" de dirigir pela cidade com aquele carro emblemático, mais ou menos escrito assim: tenha calma você aí atrás, pois já passou por isso! Ou mesmo quando estamos na primeira aula de natação e o professor pergunta:"O que você sabe fazer dentro d'água?" Você fica quieto e pensa:'sei fazer bolinhas e não só com a boca!' Mas isso tudo é normal, para alcançar nossos objetivos precisamos ser naturalmente constrangidos, é a lei da vida agindo sobre nós. Mesmo quando somos crianças precisamos nos ferrar para acreditar no que os mais velhos dizem. -"Não põe a mão no fogo menininha!" Já dizia minha mãe e a tontinha de 4 anos foi lá, achou o fogo bonito, brilhante, reluzente pôs a mão, comprovando que mamãe estava certa. -"Não se relacione com fulano de tal!" Já dizia meu pai e a tontinha de 20 anos, foi lá e achou o fulano bonito, interessante, simpático e pôs a mão, comprovando que papai estava certo. É, realmente somos crianças eternas, os anos passam, a gente vive aprendendo, ou NÃO!

3 comentários:

Marcos, o Camillo disse...

Opa, quero as referências bibliográficas por algumas frases postadas aí hein...

Douglas disse...

EScrito de forma simples, mas com conteúdo bem contundente, a guria autora Isadora, expõe fatos do cotidiano, fatos da sua vida pessoal que para o leitor parece que algo semelhante ao que esta sendo lido lhe aconteceu em algum momento da vida.
Com temas, aparentemente desinteressantes ela sbumerge a uma intelectualidade incomum e escreve um texto clarissimo, de certa forma engraçado, e interessantissimo!
Parabens guria!

Douglas Pinheiro!

TV de Plasma disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the TV de Plasma, I hope you enjoy. The address is http://tv-de-plasma.blogspot.com. A hug.